O procedimento de artrodese consiste na fusão óssea intencional de uma articulação. Isso significa que após a cirurgia não háverá mais mobilidade nesta articulação depois que a fusão ocorra.

imagem

A artrodese pode ser realizada em qualquer articulação do corpo. Na coluna vertebral, pode ser realizada na coluna cervical, torácica, lombar e lombo-sacra.

As principais indicações da artrodese são a instabilidade de segmentos da coluna, fraturas e em situações em que há necessidade de remoção de todo o disco intervertebral (como na hérnia de disco cervical ou lombar).

Para a realização da artrodese, é realizada a decorticação, que consiste na retirada de “lascas” de osso e a colocaçãode enxerto de osso, que pode ser obtido da própria coluna ou do osso ilíaco, localizado na bacia.

A artrodese pode necessitar de uma fixação da articulação para que seja bem sucedida. Na coluna lombar essa fixação é feita com parafusos, chamados de parafusos pediculares (muitas vezes chamados de “pinos”). Na coluna cervical a fixação pode ser feita com placa a parafusos quando a cirurgia é por via anterior (pela frente) ou por parafusos e barras quando feita por via posterior (por trás)

Após a cirurgia, geralmente a fusão ocorre após 3 meses. Durante esse período o paciente necessita de um repouso relativo, mas podendo caminhar. O uso de colete muitas vezes é recomendado, porém não é obrigatório.